© 2013 por Teshima. Todos os direitos reservados. Autorizado a publicação parcial do site desde que contenha a citação. 

Equipe médica

Segunda a sexta 7:00 - 20:00

Sábado                 7:00 - 12:00        

Endereço

Rua Mato Grosso 306 cj 910 e 911

Higienópolis, São Paulo - SP

05021-000

Tel (11) 2613-7730 - 2307-0412

Whatsapp (11) 94715-4335

Horário de atendimento

Localização

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon

Tratamentos

Vídeo Laparoscopia

Histeroscopia

Pré Natal

Anticoncepcionais

Pediatria

Reumatologia Pediátrica

Endocrinologia Pediátrica

VÍDEO LAPAROSCOPIA 

A laparoscopia iniciou-se de maneira efetiva somente no século XX, porém o interesse por este procedimento data de muitos anos. Philipp Bozzini, alemão de origem italiana, é considerado o pai da endoscopia. O primeiro endoscópio foi um cistoscópio, inventado por Desormeaux.



A laparoscopia é uma cirurgia realizada por uma fina câmera inserida no abdome por uma pequena incisão de 1 cm no umbigo. Além da incisão umbilical, é necessário outras 2 incisões de 1 cm ou 0,5 cm abaixo da marca de biquini.

A cirurgia é realizada após insuflação de um gás, geralmente o CO2, para distensão da cavidade abdominal e então melhor visualização dos órgãos pélvicos.



A laparoscopia é uma cirurgia minimamente invasiva, cuja recuperação pós cirúrgica é bem mais rápida e menos dolorosa do que as cirurgias convencionais (corte tipo cesárea).

As princiais indicações da laparoscopia ginecológica são: cistos ovarianos, mioma uterino único, aderências, endometriose, tratamento de gravidez ectópica e histerectomia (retirada do útero) em casos selecionados.

A anestesia realizada é a geral e a paciente fica internada no hospital 1 ou mais dias, dependendo do tipo de cirurgia.

As complicações são raras e envolvem a lesão de bexiga, intestino, vasos sanguíneos, além do risco anestésico.

O cisto de ovário é uma doença comum, que pode acomenter a mulher durante toda a vida, mas principalmente durante a fase reprodutiva. 

Endometriose é definida como a presença do endométrio em localizações fora da cavidade uterina. Os locais mais freqüentes de aparecimento da endometriose são os ovários, trompas, peritôneo, intestino ou bexiga.

A gravidez ectópica é a implantação do embrião fora da cavidade uterina. A grande maioria das ectópicas não evoluem e podem provocar intenso sangramento abdominal

Cisto de ovário roto

​O rompimento de um cisto de ovário provoca dor intensa e, muitas vezes, tem indicação de cirurgia pela urgência

Please reload

Miomas uterinos, também conhecidos como fibromas, são tumores (nódulos) benignos do útero formados por musculatura lisa de aspecto nodular. 

A Laqueadura tubárea é popularmente chamada de ligadura das trompas e é um método definitivo de anticoncepção. 

A torção de ovário é uma doença que pode acometer todas as mulheres, principalmente aquelas que apresentam um cisto no ovário e é uma das urgências em ginecologia

A histerectomia é a cirurgia realizada com o objetivo de retirada total (colo e corpo do útero) ou subtotal do útero (corpo e manutenção do colo).
A histerectomia pode ser realizada por cirurgia convencional de laparotomia (corte de cesárea), via vaginal ou por vídeo laparoscopia.

Please reload